Entrevista Exclusiva Com O Rapper Sansão Problema membro do grupo PS [Saiba Mais] - MAMBOS GOOD | MUNDO ONLINE

Breaking

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Entrevista Exclusiva Com O Rapper Sansão Problema membro do grupo PS [Saiba Mais]

Nome Artístico: Sansão Problema

Pai artístico: Arletcheck Gênio (Geraldo Dos Santos)

Data de nascimento: 11 de Novembro de 1999

Nome: Conceição Franessa

Filho de: Manuel Franessa & Júlia Daniel Franessa

Residência:  Menongue, Rua da Católica, Bispado

Natural de : Menongue

Província de: Kuando Kubango

Sexo: Masculino Estado civil: Solteiro

Quem é o ####?
R: O Sansão Problema é um jovem sonhador, estudante da EPF-Escola de Professores do Futuro , cantor, produtor, designer, bloguer e compositor

Quando é que entraste nas ruas devidamente?
R: Bem eu entrei em 2010 na altura era chamado de Sansão Dono do Game, mais só comecei a ser mais ouvido em 2015

Muita gente canta e queremos saber porque você canta?
R: Pra não dar muita volta eu conto porque gosto ou amor de musica.

O que foi mas dificil quando entraste para o Mundo do rap?
R: Conciliar o tempo da música com os estudos e outros afazeres

O que QUE tu MAIS gostas de fazer. Para além de rap?
R: Andar com os amigos, mecher no computador, jogar fotebool e jogar video games etc

Para ti qual é o estado do rap em Menongue?

R: Desenvolvimento. É notável melhor composição, métrica e inovação por parte de alguns colegas meus

Para ti o que falta para o rap melhorar?
R: Mais responsabilidade musical nos rappers e produtores, apoio financeiro (patrocínio),  melhores estúdios e mais shows.

Há quanto tempo estás no movimento?
R: Apesar de entrar no movimento em 2010 eu  só considero 2 porque só comecei a ser mais ouvido em 2015.

Qual foi a primeira musica que fizeste?
R: A minha primeira musica foi uma com o título o (rapper esta no sangue) tirada em 2010 captada pelo meu kota Fábio Leitão.

 Achas que evoluíste muito de lá para cá?
R: Tenho a certeza que sim e agradeço a todos que fizeram parte desse processo, apoiando, criticando ou invejando

O QUE o movimento hip-hop significa pra ti?
R: O hip-hop para mim significa Vida

Em que artistas internacionais se inspiras?
R: Lil Wayne,  Designer, Wiz Khalifa
 Em Menongue quais são os que mais te encantam?
R: Patrene, Zinho Postera, Márcio Má-Vida, Sallazar,Yano BC, Jamanta, Cellso (Meu filho) e o Mendez

Qual deles mais respeitas actualmente?
R: Bem sinceramente falando respeito três que são Patrene,Zinho Poste e Márcio Má-Vida

Será que o beef entre os rappers aumenta o estatuto?
R:. No meu ponto de vista, o beef  é sempre benéfico, mas só pra um lado. Só um sai a ganhar, o outro perde muito!

Será que nunca mandaste ou recebeste beef?
R: Já mandaram, só lhes faltou coragem de citar o meu nome. Nunca mandei (quando fizer será algo de parar o país)

Ultimamente fala-se muito em “Buzz”, o que é ter isso no Hip-Hop?
R: Buzz é o teu peso ou influência que tens sobre as pessoas numa certa época.

Um assunto recorrente no Hip-Hop são as óbvias divisões entre Comercial e Underground. Onde te encaixas e o que achas desse tipo de classificação aos Rappers?
R: Acho que a maioria dos meus colegas não sabe definir o que é o Rap Underground. Encaixo-me no comercial

Que preferes Comercial ou Underground?
R. Prefiro a boa música, desde que seja bem feita

Achas que os que fazem comercial SE tornam rappers inferiores?
R: Pra mim isso não tem Nada a ver

O que há por trás dos artistas que alcançam o sucesso e dos que “batem na rocha”?
R: Pra mim depende muito da forma de trabalho,oportunidades, foco, e do carisma que as pessoas sentem em ti.

Tens alguns projetos para o momento, ou para o futuro?
R: De momento encontro-me a promover a minha EP intitulada “ Coração Partido “,  a Mixtape Problema, montar a minha produtora, pensando em trabalhar no Volume 2 da Mixta Problema.

Pretendes levar a carreira mais avante. Quantas mixtapes já têm no mercado? e pretendes no máximo lançar quantas?
R: Pretendo sim. Não há nada que saiba fazer melhor que música, então estou sério nisso. Tenho uma mixtape (Problema).
Posso vir a tirar inúmeras, sem limites

Em termos de participações quais são os rappers que iras trabalhar com eles
Quem te inspira como músico?
R: Arletcheck, Enock, Fábio Wiz Weed, Dji Tafinha, Toy Toy T-Rex, Double S, Abdiel, Monsta, Rainha da Yebba, MC Cabinda


Quem achas QUE é melhor QUE VOCE no rapper ANGOLANO?
R: Isso só o público pode dizer (risos)

Generalizando os rapper e MCs, tanto a velha e a nova escola têm feito algo novo para o Hip-Hop Angolano na tua opinião?
R: tenho sentido muito vindo da nova escola e pouco da velha escola


O que se diz do relacionamento entre essas mesmas gerações? Há feedback, troca de impressões entre a velha e a nova escola Hip-Hop?
R: Muita pouca troca de impressões. Poucos deles nos apoiam, acho que veem-nos como competição, esquecem que eles são ou já foram os nossos ídolos

Monte seu TOP 10 Lusófono. Seu 10 rappers Favoritos. Independente da Ordem Pode ser Old school ou News School
R: Patrene. Xuxu Bower, Márcio Má-Vida, Arletcheck, Enock, Fábio Wiz Weed, Big Z, NGA, Zinho Poste, Dji Tafinha

Digamos que a carreira como rapper não dê certo. Que carreira seguiria?
R: A minha carreira já deu certo (risos), mas se tiver que fazer outra coisa será: dar continuidade aos estudos no sentido de abragir mais areas do meu interresse.

Qual e obstáculo que você teve que superar até agora na sua carreira?
R: Boicote

Quais foram os momentos mais marcantes na tua carreira musical?
R: A atuação do meu grupo (PS na altura Bad Boys Gang) no Show do Lubango no Scob , e a da forma que as pessoas receberam a música (Panda e Banzelo)
P’ra terminar gostaria que me descrevesses aqui alguns dos itens que faltam ao Hip-Hop luso e que o tornariam numa cultura de rua completa, uma vez que para muitos ainda não seja…
R: Mais valorização dos DJ’s e grafiteiros

Conselho para os novos artistas?
R: Trabalhem no duro, porque a estrada é longa

Sem comentários:

Enviar um comentário