Dólar nas ruas de Luanda continua 560 kz apesar de injeção de divisas - MAMBOS GOOD | MUNDO ONLINE

Breaking

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Dólar nas ruas de Luanda continua 560 kz apesar de injeção de divisas

valor médio do dólar norte-americano nas ruas de Luanda desceu para 560 kwanzas (três euros), depois da injeção recorde de divisas na banca comercial, feita pelo Banco Nacional de Angola (BNA) em julho e agosto.

O preço praticado no mercado informal permaneceu próximo dos 600 kwanzas por cada dólar em agosto, com pontuais flutuações semanais, conforme rondas regulares da Lusa junto das ‘kinguilas’ de Luanda, como são conhecidas estas mulheres que se dedicam ao negócio informal de compra e venda de divisas na rua.
Em contrapartida, o BNA vendeu cerca de 900 milhões de euros de divisas aos bancos comerciais em agosto e 930 milhões de euros em julho, valores máximos de 2016.
Contudo, aos balcões dos bancos, persistem as dificuldades no acesso a divisas, levando clientes a optarem pelo mercado de rua, apesar de taxas de câmbio que são três vezes superiores à oficial (166 kwanzas).
A Lusa encontrou hoje quem vendesse a nota de dólar, no bairro do São Paulo, a 560 kwanzas, enquanto as ‘kinguilas’ do bairro dos Mártires de Kifangondo cobravam 540 kwanzas. Já no bairro do Maculusso, igualmente no centro de Luanda, era hoje possível encontrar quem vendia a nota de dólar a 560 kwanzas e na Mutamba a 570 kwanzas.
Quem vende não apresenta qualquer explicação para estas oscilações, além de assumirem que se mantém a forte procura de dólares, por entre os habituais receios da polícia, já que se trata de um negócio ilegal.
São preços especulativos que, em muitos casos, como para os trabalhadores expatriados, é a única forma de ter acesso a divisas no atual contexto de crise económica, financeira e cambial, decorrente da quebra nas receitas petrolíferas.